Referências de células: Relativas, Absolutas e Mistas

Quer aprender a usar as referências de células no Excel? Então este post é para você!

O Excel possui muitas fórmulas que usam referências a outras células. Essas referências permitem que as fórmulas atualize dinamicamente seus conteúdos. Neste caso, existe basicamente três tipos de referências de células:  relativa, absoluta e mista.

Mas afinal, quando usar cada uma delas? Acompanhe os detalhes a seguir e saiba mais sobre este assunto.

Referências de Células Relativas, Absolutas e Mistas: O guia definitivo

Já está interessado(a) no que vem por aí? Então compartilhe com sua rede de amigos para que mais pessoas possam aprender sobre referências de células no Excel:

Facebook

Twitter

Google+

LinkedIn

Referências de Células Relativas

Este é o tipo de referência padrão, ou seja, quando você insere uma fórmula no em uma célula e arrasta para outras células, as referências se adaptam a cada célula em que a fórmula foi aplicada.

Veja os exemplos abaixo para melhor compreensão.

Exemplo 1

Se a célula A1 contém o valor 2, e a célula B1 contém fórmula  =A1+2 (referente à célula  A1), a fórmula em B1 resultará no valor 4. Se você alterar o valor na célula A1  para 5, então o valor na célula em B1 mudará automaticamente para 7.

Referências de Células Relativas

Exemplo 2

Se a célula B1 faz referência à célula A1, então, após copiar a fórmula da célula B1 para a célula D2, a célula começa a se referir à célula C2. Em outras palavras, a referência celular foi movida pela mesma distância que a célula copiada.

O que é Referências de Células Relativas

Exemplo 3

No exemplo abaixo temos uma coluna com nomes e outra coluna com sobrenomes.

Como usar Referências de Células Relativas

Se quisermos unir o primeiro nome com o sobrenome e colocá-los na coluna D, não é necessário inseri-los manualmente, pois é possível uni-los usando as referências relativas.

Nesse caso, digite a fórmula =B2&””&C2 na célula D2. Feito isso, basta pode usar o preenchimento automático (alça de preenchimento). para preencher as células restantes.

Referências de Células Relativas como usar no Excel

Usando a tecla de atalho CTRL+SHIFT+` , podemos verificar as referências de cada fórmula.

Referências de Células Relativas, absolutas e mistas

Como se pode observar, apenas a fórmula na célula D2 se refere às células B2 e C2. As referências nas próximas células foram deslocadas de acordo, por isso esse tipo de referência é conhecida como relativa.

Referências de Células Absolutas

A referência de célula absoluta sempre aponta para o mesmo local, mesmo se você mudar a posição de qualquer uma dessas células. Para que uma referência de célula se torne absoluta, devemos usar o sinal $ para a linha e para a coluna. Exemplo: Para tornar a célula A1 absoluta, basta utilizar o sinal $ da seguinte maneira: $A$1

Se você tiver, por exemplo, a célula A1  que se refere ao conteúdo da célula B1  ( =$B$1 ) e depois mudar a posição de A1,  ela ainda se referirá à célula B1.  Se você arrastar a célula B1 para outro local, por exemplo,  B3, então A1  indicará a nova localização da mesma célula (=$B$3).

Exemplo 4

O exemplo abaixo mostra o faturamento de uma empresa. Neste caso, precisamos calcular quanto do imposto será preciso pagar a cada mês.

Referências de Células Absolutas

Observe a barra de fórmulas. Ela mostra quanto de imposto a empresa precisa pagar em Janeiro (=C3*D7 ). Se você quiser preencher automaticamente os meses restantes, você notará que, em fevereiro, a referência não aponta para a célula D7 , em vez disso, ela aponta para a célula D8 e para março para a célula D9.

Referências de Células Absolutas como usar

Para criar uma referência absoluta, clique na célula D3 e, na fórmula, clique no texto D7. Agora pressione a tecla F4 e confirme-a pressionando Enter. Isso mudará uma referência relativa para uma referência absoluta.

Referências de Células Absolutas no Excel

Usando a tecla de atalho CTRL+SHIFT+` , podemos verificar as referências de cada fórmula.

Referências de Células Absolutas, Relativas e Mistas

Como você pode ver no exemplo acima em todas as quatro células, a primeira parte da fórmula é uma referência de célula relativa e a segunda parte é uma referência de célula absoluta.



Referências de células mistas

Uma referência mista é uma referência que se refere a uma linha ou coluna específica. Por exemplo, $A1 ou A$1 . Se você quiser criar uma referência mista, pressione a tecla F4 na barra de fórmulas duas ou três vezes, dependendo se deseja se referir a uma linha ou coluna. Pressione F4 mais uma vez para voltar à referência celular relativa.

Exemplo 5

No exemplo abaixo temos a planilha de uma loja que deseja calcular o valor do desconto de cada produto conforme o percentual da cada mês conforme mostra a fórmula em F2.

Referências de células mistas

Queremos copiar esta fórmula para as outras células rapidamente. Arraste a célula F2 em uma célula e veja a fórmula na célula G2.

Como usar Referências de células mistas

Você vê o que acontece? A referência para o preço deve ser uma referência fixa à coluna B.

Solução: coloque um símbolo $ na frente da letra da coluna B2 ($B2) na fórmula da célula F2 de modo a travar a coluna do preço. Da mesma forma, quando arrastamos a célula F2 para baixo, a referência ao desconto deve ser uma referência fixa à linha 7 . Solução: coloque um símbolo de $ em frente ao número de linha da célula B6 (B$6) na fórmula da célula F2 de modo a travar a linha.

Referências de células mistas, absolutas e relativas

Pronto! As referências à coluna B e à linha 7 estão solucionadas.

Viu como é fácil usar referências de células no Excel? Para que você possa treinar este conceito, estamos disponibilizando a planilha com os exemplos citados acima.

Exemplos – Referências de células.xlsx

 

Dica de leitura: Como usar o Gerenciador de Nomes no Excel

E então, o que achou da explicação sobre referências de células no Excel ? Deixe o seu comentário abaixo, gostaríamos muito de conhecer a sua opinião! Para conferir mais dicas de Excel, continue acompanhando o Excel Easy!